Outros poetas, outros poemas

Pouco me importa.
Pouco me importa o quê? Não sei: pouco me importa.

Alberto Caeiro, 24-10-1917



Eu não tenho filosofia; tenho sentidos...

Alberto Caeiro, em "O guardador de rebanhos", 8-3-1914
Posted on 21:07 by Emília and filed under , , , | 10 Comments »

10 comentários:

legal disse... @ terça-feira, maio 11, 2010

Parabéns pelo seu blogger, gostei muito, ser você quiser me visita no meu blogger
Tenho o blogger de noticia da africa do sul e tv ao vivo. direito na africa do sul.
Você pode acompanha noticia 24 horas na africa do sul. para acompanha na noticia você clicar "assine Feed" para recebe toda novidades por e-mail, sobre a copa.

http://copanafrica2010.blogspot.com

or

http://www.cupafrica.dahora.net

Espero que seja meu seguidor.

Mycнelle disse... @ terça-feira, maio 11, 2010

Fiquei honrada com sua visita, estou seguindo seu blog, gostei dele de verdade.

Lídia Borges disse... @ quarta-feira, maio 12, 2010

Caeiro, o mestre!

Todo o deslumbramento do não saber, sabendo, do não sentir, sentindo...

Obrigada!

Amor feito Poesia disse... @ quinta-feira, maio 13, 2010

Bom dia amigaaaaaaaaa
Bem vinda ao meu espaço.
Beijos na alma.....M@ria

ergela disse... @ quinta-feira, maio 13, 2010

Obrigada pela visita, apareça sempre.

;))

Lórah Claus disse... @ quinta-feira, maio 13, 2010

Olá keridaaa.... estou retribuindo a visita... e pode ter certeza q estarei sempre por ak..
me senti em casa.. adoro poemas.. principalmente no estilo q v cposta eu seu blog

bjuxxx

AVOGI disse... @ quinta-feira, maio 13, 2010

Olá Emília . venho cá vinda da madeira retribuir a sua visita . obrigada gostei tb vou sua (per)seguidora. kis :)

reltih disse... @ quinta-feira, maio 13, 2010

no entendí mucho, pero creo que es un gran pensamiento filosófico, aunque el autor quiera decir que no tiene filisifía.
un abrazo

Elza Magna disse... @ segunda-feira, julho 12, 2010

Lindíssima foto, Emilia!

Este senhor lembra muito o Adoniran Barbosa, um compositor de São Paulo que nos deixou algumas dúzias de belos sambas - e com um humor que raros sambistas cariocas possuem.

Parabéns pelo blog!

Andressa disse... @ terça-feira, dezembro 14, 2010

HAHAHA